Por que afinar uma bateria e qual a dificuldade que muitos encontram


Afinar uma bateria para muitos é um bicho de sete cabeças, já vi vários bateristas profissionais se perdendo em afinações e acabado estragando um show musical tudo por conta de afinações erradas para estilo de músicas que não era viável tocar naquela afinação.

Se parta profissionais se tornou complicado afinar um instrumento de tambor, imagine para iniciantes que nem sabem os nomes de cada um deles. A bateria sem dúvidas é um dos instrumentos mais complicados para se tocar e afinar também, isso exige muita paciência, dedicação e bons ouvidos para analisar cada tambor e apertá-los com perfeição.

 

Aprendendo afinar uma bateria

Afinar que dizer exatamente é ajustar a tensão das peles de cada um dos seus elementos: tarola, timbalões e bombo, esses são os nomes dado a cada tambor da bateria. Nosso dever é que tenham um som consistente e uma boa relação de tons entre eles para assim ter uma harmonização perfeita nos sons. Iremos explicar os passos básicos para afinarem a sua bateria e que podem ser aplicados a cada um desses componentes. Deixando-a assim apta para tocar sua música a vontade

Siga as etapas:

– uma bateria (ou um dos componentes percussivos referidos acima);

– uma ou duas chaves de afinação de bateria;

– bons ouvidos.

 

Sigam essas etapas que tudo dará certo em sua afinação

  1. Afrochem os parafusos que seguram a pele até ficar solta, mais muita atenção, não precisa remover as peles por completo
  2. Agora apertem o centro da pele com a palma da mão, como se estivessem a fazer uma massagem cardíaca, mais não precisa ser com muita pressão para não danificar seu instrumento
  3. Sem utilizar a chave, apertem os parafusos que seguram a pele à mão, até conseguir uma boa resistência nas peles.
  4. Seguindo essa metodologia, podem utilizar as chaves para apertar os dois parafusos opostos de uma vez. É importante que sejam precisos e consistentes no movimento.
  5. Como no início comece a fazer uma massagem no centro da pele. Se houver pontos onde está enrugada dê mais uma apertada que acharem necessário, até ficar correta.
  6. Está na altura de usarem os ouvidos. Batam no centro da pele para ver o som que tem. Está perto do que pretendem? Com um dedo a pressionar o centro da pele , voltem a bater mais perto da borda, em frente de cada parafuso e vejam se o som é igual em todos os pontos. Apertem até acharem que acertaram.
  7.  o tom é bom e equilibrado em toda a superfície? Veja também se o tom está igualmente distribuído em todas as áreas.
  8. Mesmo processo, a relação da afinação é que pode variar. Há quem goste de ter as duas no mesmo tom, há quem prefira afinado num tom mais abaixo. O vosso ouvido é que decide.
  9. Dessa forma você fara com todos os tambores da bateria. Seja paciente, espere e sinta a sonoridade e a espessura de cada pele.